PACTO DE SANGUE

Double Indemnity, EUA, 1944, Drama, 107 minutos

Direção: Billy Wilder

Elenco: Fred MacMurray, Barbara Stanwyck, Edward G. Robinson, Porter Hall e Jean Heather

CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: 14 anos

Contém: Violência

Onde encontrar: tudohd

Ícone do cinema Noir Americano, essa obra se apresenta como fiel representante deste movimento cinematográfico, em razão da inteligente composição de seu roteiro e da magnífica direção do conhecido diretor Billy Wilder. Produzido em 1944, possui grande influência indireta da Segunda Guerra Mundial, a qual deixou o público americano bem mais resistente a fantasias, proporcionando assim uma procura e uma movimentação geral para obras que abordam mais a realidade de seu povo. Então, em 1944, é lançado este filme, ambientado em Los Angeles, tendo como protagonista um vendedor de seguros.

Em princípio, o filme se introduz com o relato de seu protagonista Walter Neff, relato este sendo o meio pelo qual toda história é contada. Neff confessa de imediato ter assassinado um cliente para a obtenção de uma boa quantia e para se relacionar com a esposa da vítima, a mulher fatal desta obra, a bela Phyllis Dietrichson. O filme inverte a ordem das coisas nesse sentido de apresentar de cara a pessoa que cometeu a atrocidade, e ainda por cima tê-la como protagonista, em razão de procurar dar enfoque principal para dois elementos que estão intimamente interligados na obra: as motivações que levaram ele a cometer tal atrocidade e os meios pelos quais ele conseguiu fazer a façanha e sair da situação sem ser descoberto. Dessa maneira, a narração da história começa mostrando Ness indo visitar a casa de seu cliente e sendo recebido pela esposa deste, tendo em seguida, um diálogo bem delicado e recheado de sugestões e entrelinhas, e aos poucos, a trama vai se encaminhando.

Assim, o filme se desenvolve com esta peculiaridade de apresentar primeiramente a pessoa que cometeu o crime, mas o espectador em nada perde por isso, já que o restante dos fatos é apresentado por Ness com a devida ordem cronológica, de maneira bastante clara e linear. Talvez, haja dificuldade de absorção da obra em alguns dos longos e perspicazes diálogos que ocorrem na obra, já que para sua compreensão total do filme, é necessário a plena compreensão deles.

Trata-se de uma obra que nos surpreende em muito com suas reviravoltas dramáticas e suas sequências de cenas chocantes e apreensivas em alguns momentos. Dessa forma, o filme foi bastante reconhecido pela academia em seu lançamento, sendo indicado ao Oscar de 1945 nas categorias de melhor filme, melhor diretor, melhor atriz, melhor som, melhor fotografia, melhor trilha sonora e melhor roteiro.

Thiago Freire Nascimento