Oficinas de Astronomia

O que são?

As Oficinas de Astronomia são vivências oferecidas em uma única aula e que procuram abordar alguns temas astronômicos específicos com ênfase em atividades práticas

Próxima Oficina de Astronomia:

19 de fevereiro de 2020, quarta – Reconhecimento do Céu Noturno (inscrições encerradas! Em breve ofereceremos novamente.)

Mapa com as as constelações oficiais e suas respectivas fronteiras. Fonte da imagem: http://www.radicalcartography.net

Objetivo da Oficina de Reconhecimento do Céu Noturno: realizar, em uma única aula, atividades práticas envolvendo conceitos e técnicas de observação do céu noturno e reconhecimento das principais constelações e corpos celestes da estação.

Público-alvo: interessados em geral com idade igual ou superior a 14 anos. Atenção: devido à grande procura pelos minicursos do Observatório, daremos prioridade às pessoas que estiverem cursando pela primeira vez.

Quando: dia 19 de fevereiro de 2020, quarta-feira.

Horário: das 19h00 às 22h00.

Local do curso: dependências do Observatório Dietrich Schiel que fica no Campus 1 da USP de São Carlos (SP), acesso para pedestres próximo à esquina da Av. Dr. Carlos Botelho com a Rua Visconde de Inhaúma. Para saber como chegar ao Observatório, clique no link a seguir:

Como Chegar ao Observatório Dietrich Schiel

Inscrições: as inscrições para essa oficina foram encerradas em virtude do preenchimento das vagas.

Número de Vagas: 20

Ministrantes:

  • Natália Palivanas: cursa Física Computacional pela USP São Carlos e desde 2014 trabalha como monitora do Observatório.
  • Thaís Vicente da Silva: está no segundo ano do curso de Bacharelado em Matemática Pura pela USP São Carlos e trabalha  como monitora no Observatório desde setembro de 2019.

 Atividade gratuita e com certificado: será concedido aos presentes um certificado de participação que será enviado para o e-mail fornecido pelo interessado no formulário de inscrição.

Programa da oficina: Durante a atividade serão vistos os seguintes tópicos:

  • Conceitos de pontos cardeais, distâncias angulares, movimentos dos astros no céu, Equador Celeste, Eclíptica, latitude e magnitudes
  • Como utilizar um mapa celeste
  • Atividade prática na área de observação (dependente de condições atmosféricas favoráveis)
  • Orientação com e sem bússola
  • Distinção entre estrelas e planetas na observação do céu
  • Reconhecimento das principais constelações e objetos celestes da estação com o auxílio de um mapa celeste e pequenos instrumentos
  • Visibilidade dos astros dependendo da localidade

Atenção: na ocorrência de tempo nublado ou chuvoso, a observação do céu será substituída por uma simulação do céu utilizando-se um programa de computador projetado em telão no auditório.